PAGUE PARA PUBLICAR QUANDO VOCÊ FOR O CHEFE

1b1bee9e00000578-3182241-image-a-1_1438443638765

Apesar da crise econômica (do aumento dos custos e da diminuição das oportunidades), de gente gabaritada constatar, com números sólidos, que nosso mercado editorial para livros de FC e fantasia diminuiu nos últimos 5 anos e do fechamento ou fuga de grandes editoras, nada disso justifica ficar à mercê de editoras de fundo de quintal, que cobram caro e exigem absurdos para publicar, tomando todas as decisões editoriais. Se falta caráter já no lançamento de um edital para antologia ou nas regras para tirar seu romance da gaveta, então só espere dor de cabeça até você receber seus exemplares.

Por menor que seja, UMA EDITORA SÉRIA NÃO COBRA DO AUTOR. O investimento em um autor é uma parceria, uma via de mão dupla, em que o publisher e o editor entram com sua experiência de mercado para transformar um manuscrito em um romance com potencial artístico e/ou de vendas. A editora sabe como melhor promover, distribuir e comercializar o livro.

Mesmo confiando no trabalho de editoras sérias, a auto-publicação hoje é a maneira mais viável e realista de um escritor começar, seja no formato digital ou físico. É muito melhor se informar e procurar profissionais competentes para leitura crítica, preparação de texto, revisão, ilustração, capa, diagramação e uma gráfica com bom acabamento e preços justos. Você gastará mais ou menos grana, a depender da ambição de seu projeto. E com certeza, sua satisfação será muito maior. Você terá total controle editorial sobre sua obra.

book-and-ebook-holding-hands

Claro que você terá que ralar mais para promover e vender seu livro. Mas tudo é aprendizado. Você vai acertar e errar. Quem sabe você chame atenção de uma editora séria e tenha a oportunidade de melhorar seu texto e de ampliar seu número de leitores. Isso pode acontecer. Tomara que aconteça. Mas não encare isso como o caminho natural das coisas.

Em geral, editoras publicam textos que vendem: tendências, modas, cópias de modelos do passado. Não é porque você é um puta escritor que você terá mais chance de ser publicado. Provavelmente, o escritor medíocre passará na sua frente. Mas nada disso importa na hora de escrever e publicar. O que importa mesmo é você entregar ao leitor o melhor produto possível, um texto trabalhado num formato bacana, atraente.

A auto-publicação digital veio para democratizar o acesso a todo tipo de literatura. Tirar das mãos dos gatekeepers a produção desse conteúdo. Em parte, uma demanda ignorada pelas grandes editoras. Em outra parte, uma demanda que as grandes editoras nem sabiam que existia, despertando interesse.

Fico muito feliz quando um autor independente que admiro consegue chamar atenção de uma editora séria, pequena ou grande. É um potencial reconhecido. É a chance de muito mais leitores terem contato com uma obra que, de alguma maneira, pode fazer a diferença.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s